sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

A Verdade sobre o Alto Preço da Gasolina


O Brasil assistiu recentemente a um desmonte de sua indústria petroleira sem presidentes na história recente do país . O fundo soberano do Pré-sal , que permitira ao Brasil dobrar os investimentos em educação, foi, silenciosamente desconstituído. O Pré-sal foi entregue numa bandeja para a Shell e muito mais.
Milhares vestiram a camisa verde-amarela e foram às ruas apoiar tais medidas. Agora, os mesmos verde-amarelos reclamam do alto preço da gasolina que já supera os R$ 4,50 em algumas praças. Será que ele têm razão?
A verdade é que os absurdos aumentos nos preços dos combustíveis têm se dado em função da adoção de uma nova política de preços da Petrobrás que, depois de muito tempo, voltou a vincular o preço do barril de petróleo produzido no Brasil à cotação da commodity, em dólar, no mercado internacional. Assim, toda vez que o dólar aumenta, o preço da gasolina também sobe. E sabe o porquê disto? É porque a Shell fatura em dólar. Então, podemos concluir que cada aumento do preço da gasolina decorrente da variação do dólar, como tem ocorrido sistematicamente, possui como objetivo a maximização do lucro da operação da Shell no Pré-sal. 
Em outras palavras, quem apoiou a entrega do Pré-sal para a Shell, agora tem pagar R$ 4,50 pelo litro da gasolina, caladinho. E tem mais: quem apoiou e, agora, reclama do alto preço dos combustíveis apenas demonstra que foi usado e abusado como massa de manobra.