Na disputa do atual provedor do HM contra a AAHM, quem deve deixar o Hospital?

segunda-feira, 24 de julho de 2017

Não Anuncie em Veículo de Comunicação que Corrompe a Democracia Monlevadense

Recentemente, o cidadão monlevadense se envergonhou em assistir à cassação do mandato da prefeita, motivada pelo abuso de meio de comunicação social por parte do jornal O celeste, durante a última campanha para a Prefeitura. Seu proprietário Gilson Elói (foto) inclusive foi condenado a 8 anos de perda dos direitos políticos por praticar o falso jornalismo e a manipulação política de meio de comunicação impresso. Assim como o ex-prefeito Carlos Moreira, não poderá se apresentar às urnas nas próximas eleições para apresentar seu voto como cidadão. Um gambá cheira o outro.
Caro comerciante, não anuncie em veículo de comunicação que é utilizado para corromper a Democracia Monlevadense. Não seja conivente com a manipulação de meio de comunicação. Ela só tem trazido malefícios para o Município, como por exemplos, o interditado e inacabado hospital de 100 leitos adaptado no prédio da antiga Rodoviária, ao custo de mais de 22 milhões de reais de recursos públicos, ou a Farra do Lixo, que deu um rombo de 4 milhões de reais nos cofres da Prefeitura, a Farra das Permissões, etc, etc.