segunda-feira, 16 de março de 2015

Picuinha Política Motiva Corte das 200 Árvores

Está claro que a motivação para o corte das 200 árvores da Avenida Alberto Lima é político.
A desculpa dada pelo governo Torres de que as árvores prejudicam a acessibilidade não cola, porque os passeios podem contornar as mesmas. Como também não cola a justificativa de que as árvores não se enquadram nos parâmetros do projeto de revitalização da via, pois projetos sempre podem ser adaptados e a turma desse governo nunca respeitou parâmetro de nada. Os quebra-molas, recentemente, instalados cidade afora são prova disso. Se quiser, pode entrar também no pretenso Hospital Santa Madalena. Ademais, nesta era de eventos climáticos, o urbano deve se adaptar à natureza e não o contrário.
O fato é que a grande maioria daquelas árvores foi plantada pelo prefeito Leonardo Diniz. E é a pura picuinha política que, agora, as sentencia ao corte.