Na disputa do atual provedor do HM contra a AAHM, quem deve deixar o Hospital?

quinta-feira, 11 de agosto de 2016

Quebra-Molas



A única política pública da administração Teófilo/Moreira voltada para o trânsito de João Monlevade é a instalação de quebra-molas. Ensino da legislação de trânsito nas escolas nem pensar: se o povo passar a estudar as normas de trânsito nas escolas (como acontece nos países desenvolvidos) também pode querer aprender sobre os direitos básicos gerais, o que pode ser muito perigoso para o status quo.
E para atender alguns pedidos pontuais de eleitores em vésperas de eleições, o Settran sai instalando quebra-molas cidade afora, todos fora dos padrões técnicos exigidos pelo Contran. O nome correto daquilo é quebra-carro. 
Será que nunca viram uma lombada eletrônica? Monlevade não suporta mais tanto atraso.