quinta-feira, 18 de março de 2010

É Meu.


Prática recorrente na Avenida Getúlio Vargas. Em Monlevade, a autoridade de trânsito é o próprio comerciante, que chega ao ponto de delimitar parte do espaço da via pública como se fosse seu. Daqui a pouco, vão colocar uma cancela na porta do comércio e vão cobrar pedágio.