sexta-feira, 22 de outubro de 2010

CTI: Usiminas/ArcelorMittal

Através da Fundação São Francisco Xavier e com auxilio do Governo de Minas, a siderúrgica Usiminas mantém em Ipatinga o Hospital Márcio Cunha, o primeiro do Brasil a receber a “Acreditação Hospitalar em Grau de Excelência”, concedida pela ONA (Organização Nacional de Acreditação), conceituada entidade sem fins lucrativos, dedicada à certificação da qualidade dos serviços de saúde, em âmbito nacional. O Márcio Cunha atende a 40 especialidades médicas, conta com 473 leitos de internação e com 20 leitos de CTI. Ora, se a Usiminas ajuda a manter um hospital daquele porte e com tanta qualidade em Ipatinga, por que a ArcelorMittal não pode fazer o mesmo em Monlevade? Tenho certeza que se os poderes constituídos do Município chamarem a Usina para colaborar com a manutenção do novo CTI a resposta será positiva.