Na disputa do atual provedor do HM contra a AAHM, quem deve deixar o Hospital?

sexta-feira, 17 de setembro de 2010

Atenção Assessores: Prandini dá Sinais de que Pode se Jogar no Rio, Novamente

Não sou psicólogo nem nada do gênero. Mas, gostaria de alertar os assessores de Prandini sobre a possibilidade do atual prefeito de Monlevade vir a se jogar nas águas turvas do Rio Santa Bárbara, novamente. É que no recente poema escrito pelo chefe do Executivo - o qual reproduzo abaixo - e publicado em seu blog, Prandini pergunta: “Onde estão as águas do rio?” Já disse aqui que governar é se antecipar aos acontecimentos. E este tal rio do poema do prefeito pode ser o Santa Bárbara. Quem garante que não? Então, pelo sim ou pelo não, é melhor ficar de olho.

TERRA SECA

Quando é chegada a hora
e todos vão embora
tudo fica como a terra seca
não chove, não se chora
somente dor
a dor do calor partindo a terra
Onde estão as águas do rio?
Inevitável, imprevisível é o fim mal vindo
da vida que arde em chama
essa comédia que termina em drama
ou drama de que se acaba rindo?
Tanto, tanto faz
pois a vida não se satisfaz em simples definição,
tudo se surpreende ao toque da paixão
E o rio que transbordavase descobre um grande vazio
apenas a terra seca, a dor, o frio.